Contan Assessoria Contábil e Empresarial


Auxílio Emergencial 2021: Caixa libera saque para nascidos em fevereiro

  • 03/05/2021



     

    Auxílio Emergencial 2021: Caixa libera saque para nascidos em fevereiro

    A Caixa Econômica Federal libera, a partir desta segunda-feira (3), o saque em espécie e transferências da primeira parcela do Auxílio Emergencial 2021, destinado àqueles nascidos em fevereiro. O valor foi pago na poupança digital no dia 9 de abril, mas podia ser usado apenas para compras, pagamentos e transferências por meio da conta digital do aplicativo Caixa Tem. Agora, poderá ser sacado presencialmente nas unidades Caixa, das 08h às 13h, em dias úteis, e também transferido para outros bancos.

    Os saques do auxílio estavam previstos para ter início amanhã, dia 4, mas foram antecipados e os beneficiários nascidos em janeiro já conseguiram realizar a movimentação na sexta-feira (30).

    Como solicitar o saque em dinheiro

    Basta acessar o aplicativo da Caixa Tem, selecionar a opção “Saque sem cartão”, clicar em “Entrar” e escolher “Saque Auxílio Emergencial”. Clique em “Gerar Código”, digite sua senha e anote o código gerado. Como o cartão não será utilizado nessa modalidade, informe o código para a atendente da Caixa ou Lotérica. O mesmo código pode ser usado para saque no autoatendimento. 

    O código disponibilizado é válido durante 2 horas e depois será expirado, podendo ser gerado novamente utilizando o procedimento acima.

    Opção de transferência está disponível

    O benefício poderá ser transferido entre bancos, sem custo, também pelo aplicativo Caixa Tem nesta mesma data. Após solicitar a transferência, deverá constar na conta de destino até o próximo dia útil pela manhã. A conta deverá obrigatoriamente ser do próprio beneficiário. 

    A segunda parcela para os aniversariantes de fevereiro será liberada em 19 de maio na poupança digital e estará disponível para saques no dia 10 de junho. 

    Fonte: Portal www.contabeis.com.br


Fique por dentro das notícias on-line

Veja todas as notícias on-line
Subir ao topo