Contan Assessoria Contábil e Empresarial


Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora reconhece o trabalho de educadores brasileiros

  • 13/05/2022



     

    Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora reconhece o trabalho de educadores brasileiros

    O Sebrae realizou nesta quinta-feira (12) o anúncio dos vencedores da 2ª edição do Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora. A solenidade de premiação foi realizada dentro do Congresso BETT Educar 2022, considerado um dos mais importantes eventos de educação e inovação da América Latina. O Sebrae, em parceria com o Ministério da Educação, reconheceu o trabalho de educadores que se destacaram na adoção de práticas e metodologias inovadoras de ensino do empreendedorismo para jovens e adolescentes. 

    Em sua segunda edição (a primeira foi realizada em 2020), o Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora se consolida entre educadores como uma oportunidade de desafiar os alunos a enxergarem além do que se vê, com criatividade.  Criado com o objetivo de reconhecer professores de todo o Brasil que incentivem experiências, práticas e iniciativas empreendedoras entre os alunos, o Prêmio Sebrae de Educação Empreendedora é dividido em cinco categorias: Ensino Fundamental - Anos Iniciais, Ensino Fundamental - Anos Finais, Ensino Médio, Educação Profissional e Educação Superior. Os projetos são classificados por nível - ouro, prata e bronze. No total, foram inscritas cerca de 700 iniciativas. 

    “Para nós, é um orgulho reconhecer o trabalho dos professores que se inscreveram e apresentaram seus projetos, que representam a melhoria da educação no Brasil como um todo. Vocês, professores, têm uma grande missão, de mostrar como podemos contribuir para que os alunos consigam atingir e realizar os seus sonhos. Afinal, a gente muda a comunidade por intermédio da mudança das pessoas, e para mudar essas pessoas é fundamental a educação”, destacou Jânio Macedo, gerente da unidade de Educação Empreendedora do Sebrae. 

    “Esse prêmio valoriza o professor empreendedor. Sem dúvida, o professor muda o futuro de uma criança. Foi um professor que me incentivou a seguir na carreira acadêmica. Quem poderia imaginar que o filho de uma costureira e de um pedreiro alcançaria a posição que cheguei, não fosse o incentivo educacional? Agradeço a vocês, educadores”, comemorou Wagner Villas Bôas, secretário de educação superior do Ministério da Educação. 

    Edson Sousa, 35, conquistou o troféu de prata, categoria Ensino Médio, pelo projeto ‘Papel reciclado com a fibra de babaçu’. O professor leciona Língua Portuguesa na escola pública José Malaquias - Anexo Ludovico, no município de Lago do Junco, a 320 km de São Luís (MA). “A gente representa as quebradeiras de coco babaçu, espécie própria do Maranhão. São 300 mil mulheres que vivem da quebra do coco”, conta Sousa sobre o projeto que coordena na escola junto aos alunos, utilizando a fibra do babaçu na produção de papel reciclado, resultando num produto mais resistente e de secagem mais rápida. “Eles participaram da oficina com as quebradeiras e ensinaram outros alunos a produzir o papel e a desenvolver peças artesanais a partir do babaçu”, comentou o professor. 

    Todos os vencedores estaduais e nacionais ganharam troféus personalizados e terão suas práticas divulgadas nacionalmente. Além disso, recebem:

    Vencedores estaduais

    Bolsa integral para o MBA EAD em Educação Empreendedora 5.0 da Faculdade Sebrae  (360h).

    Finalistas nacionais

    Bolsa integral para o MBA EAD em Educação Empreendedora 5.0 (360h); participação na cerimônia de premiação nacional.

    Vencedores nacionais

    Bolsa integral para o MBA EAD em Educação Empreendedora 5.0 (360h); participação na cerimônia de premiação nacional; missão técnica nacional totalmente custeada pelo Sebrae.

     

    CONFIRA O RESULTADO:

     

    Ensino Fundamental - Anos Iniciais

    Ouro: Regiane Freitas, Campo Largo (PR) – Projeto ‘Lixo é responsabilidade, sustentabilidade e renda’

    Prata: Verônica Ximenes, Barra dos Coqueiros (SE) – Projeto ‘Colhendo os frutos do JEEP’

    Bronze: Valda Nascimento, Macapá (AP) – Projeto ‘Plante-me e descubra quem sou’

     

    Ensino Fundamental - Anos Finais

    Ouro: Gonçalo Lopes, Piracuruca (PI) – Projeto ‘Matemática e Meio Ambiente: do lixo ao luxo! Parte 02’

    Prata: Anselmo Augusto, Belém (PA) – Projeto ‘Reusetech – Reutilizando resíduos sólidos para a educação tecnológica’

    Bronze: Pábula Nataely, Santana (AP) - Projeto ‘O empreender na escola: espetáculo Circo Almirante da Alegria’                                        

     

    Ensino Médio

    Ouro: Joseane Pasquali, Pelotas (RS) – Projeto ‘Beep Factory – um dispositivo para aumentar a segurança das pessoas surdas ou com limitações auditivas na indústria’

    Prata: Edson Sousa, Bacabal (MA) – Projeto ‘Papel reciclado com a fibra de babaçu’

    Bronze: Danilo Freire, Campina Grande (PB) – Projeto ‘InSocialTec’

     

    Educação Profissional

    Ouro: Ivanilde Cordeiro, São Luís (MA) – Projeto ‘O projeto coworking IFMA 2020 – Empreender no mundo digital para superar a crise de Covid 19’

    Prata: José Augusto Andrade, Aracaju (SE) – Projeto ‘Produção de escudos faciais e máscaras no combate à pandemia’

    Bronze: Fabíola Dorneles, Jacarezinho (PR) - Projeto ‘Kucaracha’

     

    Educação Superior

    Ouro: Marcelo Camponez, Vila Velha (ES) – Projeto ‘Inovaweek’

    Prata: Daniel Fernandes, Goiânia (GO) – Projeto ‘Engenheiros da Infância’

    Bronze: Rodrigo Augusto Rocha Baluz, Parnaíba (PI) – Projeto “Carnaúba Valley: comunidade de startups, tecnologia e empreendedorismo da região norte do Piauí’

     

    Fonte: Agência Sebrae


Fique por dentro das notícias on-line

Veja todas as notícias on-line
Subir ao topo